Um caminho para voltar a crescer

Com o programa EXAME Mentoria PME, gestores de sucesso ajudam empreendedores a encontrar saídas depois da crise
  05/04/2019
 rbg4652 23

A crise econômica, que vem acometendo o país desde meados de 2014, afetou duramente o emprego, principalmente na região sudeste do Brasil. Segundo dados do IBGE, entre 2014 e 2015, houve uma perda de mais de 1 milhão de assalariados. Em outubro de 2015, para se ter ideia, um levantamento do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), apontou que o faturamento dos pequenos negócios havia caído 17%, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

Há mais de 30 anos no mercado, a Alergo Ar, clínica de alergia, vacinação e cuidados respiratórios, foi uma das PMEs prejudicadas por essa baixa. Teve que lidar, nos últimos três anos, com um cenário de diminuição de pacientes, que, ao perderem sua fonte de renda, deixaram de realizar consultas e interromperam tratamentos.

Para apontar o caminho do sucesso e otimizar seus resultados financeiros, Natália Zimmerman, vice-diretora da Alergo, inscreveu a empresa no programa Mentoria PME, criado pela revista EXAME. Nele, empreendedores e gestores trabalham juntos para superar os desafios mais comuns de empreender. Além de encontros individuais com CEOs, os participantes assistem a palestras e aulas da Fundação Dom Cabral, considerada a melhor escola de negócios da América Latina pelo jornal inglês Financial Times. “Eu queria a opinião de um gestor experiente, com expertise em nossa área de saúde para ajudar a analisar nosso negócio”, conta. “Como somos um grupo familiar, achamos importante ter uma visão de fora sobre a nossa empresa, além de nos atualizar- mos sobre as tendências de mercado”.

Em 2018, a mentoria foi realizada por Alexandre França, CEO no Brasil da farmacêutica sul-africana Aspen Pharma, que a ajudou a tomar decisões que estavam sendo postergadas. “Por causa dele, reestruturamos nossa relação com parceiros, redesenhamos algumas áreas, melhoramos relatórios e começamos a buscar a redução de custos onde ainda havia espaço”, afirma Natália.

Para o mentor, o passo mais importante foi mostrar que, para atingir o progresso, uma empresa precisa passar por várias etapas. “A demanda principal da Alergo Ar era retomar o crescimento e acabamos chegando à conclusão de que, antes de pensar em crescer, era preciso preparar a empresa para isso. Eles toparam e fizeram o dever de casa direitinho”, explica França.

Depois de encontros, lições de casa e muito empenho, a empresa está, agora, na fase de execução do que foi planejado na mentoria e espera colher os resultados em médio prazo. “Sou muito grata por toda a ajuda, disponibilidade e preocupação do programa conosco e com a empresa. Recomendo a todos os empreendedores ter um mentor para chamar de seu”, diz Natália.

A edição do EXAME Mentoria PME de 2019 já está com as inscrições abertas. O programa começa no dia 20 de maio com a missão de ajudar ainda mais empreendedores a obterem sucesso em seus negócios. Para mais informações, acesse mentoria.exame.com.br.

Marcas envolvidas

Mais Notícias