SUPERINTERESSANTE organiza fórum de startups no Greenk Tech Show

A marca foi responsável pela curadoria da atração Arena Conhecimento, que contou com a participação de fundadores das empresas mais inovadoras do país
  03/10/2017
290617 posdogreenk 770

Entre os dias 23 e 25/6 aconteceu, em São Paulo, o maior evento de tecnologia e sustentabilidade do Brasill, o Greenk Tech Show, que movimentou a Bienal do Ibirapuera com fãs de videogames assistindo a campeonatos de Clash Royale e League of Legends, acelerou o parque com a corrida mais divertida do Brasil, a Greenk Cosplay Run & Parade, e levantou discussões sobre temas atuais na Arena Conhecimento, organizada pela revista SUPERINTERESSANTE, por onde passaram grandes nomes que estão transformando o mundo com suas ideias.

 Entre diversos convidados estiveram na arena Eduardo L’hotellier, criador do site Get Ninjas (a maior plataforma online de contratação de serviços da América Latina); Guilherme Aere dos Santos, fundador do sistema HomeRefill; Viviane Sedola, fundadora da empresa Kickante, que falou sobre os bastidores da maior plataforma de financiamento coletivo do país; Cris Junqueira, co-fundadora da startup Nubank, que descreveu a história e o pioneirismo da startup; Ricardo Garrido, da Amazon, falando sobre a democratização da publicação de livros; Juliana Salgado, product owner do iFood, que abordou a questão da acessibilidade para pessoas deficientes nos aplicativos; Philip Klien, da Uber, que mostrou como os carros privados podem auxiliar na mobilidade urbana; e André Penha, co-fundador da StartUp  Quinto Andar, contando como a empresa está mudando o mercado imobiliário. Além das empresas, o espaço contou com autores de livros da SUPER, como Marcia Kedouk, do best seller “Prato Sujo”; e Reinaldo José Lopes, que lançou o livro “Mitologia Nórdica – As Origens Perdidas de Game of Thrones “, o mais recente da marca, que chega ao mercado no início de julho.           

 Grande parte das atrações e palestras da arena foram transmitidas ao vivo via Facebook da SUPERINTERESSANTE e continuam disponíveis para visualização. Entre elas está a mesa-redonda “E AGORA, BRASIL?”, com Alexandre Versignassi, diretor da revista; Joel Pinheiro da Fonseca, colunista da Folha de SP; e Richard Rytenband, comentarista da Record News, que debateram a situação política-econômica do país. 

 O espaço também abrigou a Arena Youtubers, por onde passaram influenciadores como Drezzy, Rezendeevil, Bruno Clash e gORDOx, que falaram sobre os seus respectivos canais e tiraram dúvidas da galera em relação às novidades envolvendo games, sempre com transmissão ao vivo pelo Facebook da MUNDO ESTRANHO, a “irmã mais jovem” da SUPER, voltada para o público adolescente. Kleyson Barbosa, autor do livro “Os 198 Maiores Memes Brasileiros que Você Respeita” e Felipe Sali, co-autor do livro “Mundos Paralelos”- obras lançadas pela MUNDO ESTRANHO – também conversaram com os visitantes da arena e os bate-papos estão disponíveis na página da ME.  Todos os livros podem ser encontrados em bancas, livrarias e e-commerces.

No evento também era possível participar de atividades geridas por outras grandes marcas e empresas e conversar com os representantes da ONG Habitat para a Humanidade, que apresentaram o projeto realizado em Heliópolis, São Paulo. A diversidade da temática do evento transparece na escolha dos expositores e converge em um aspecto: a tecnologia. Prova disso eram, por exemplo, o stand da ONG S.O.S  Mata Atlântica, que mostrou os animais nativos do bioma brasileiro em uma animação no formato de realidade aumentada, e o stand da SUPER  e da ME, que propôs o game “Escape Room Virtual”, sucesso em outros grandes eventos, como a Comic Con. O novo modelo de experiência senso-virtual é inclusivo e possibilita a participação de pessoas com habilidades motoras comprometidas.

A primeira edição do Greenk Tech Show teve a apresentadora Adriane Galisteu como madrinha e foi aberta pelo secretário municipal do Verde e Meio-Ambiente, Gilberto Natalini, que assinou uma carta de intenção para implantação de pontos de coletas de lixo eletrônico em parques públicos de São Paulo. Ao todo, o evento arrecadou 2,7 toneladas de e-lixo levados pelos visitantes, e promete voltar em 2018.

Palavras-chave

  • mundo estranho
  • superinteressante

Marcas envolvidas

Mais Notícias