BRASIL POST inicia nova fase e passa a se chamar HUFFPOST BRASIL

Nesta quinta-feira, 5/11, a versão brasileira do maior jornal digital do mundo estreou uma nova fase
  06/11/2015
Brasil

O BRASIL POST integrou-se totalmente ao americano The Huffington Post e adotou o nome HUFFPOST BRASIL para marcar a mudança. “A integração nos conecta a uma rede de jornalistas em mais de 15 países, o que intensifica a troca de conteúdos em quantidade e rapidez. Isso também nos permitirá utilizar o publicador global da marca em breve. Ainda, aproveitamos o momento para destacar algumas editorias no site e deixar ainda mais claro nossas bandeiras”, conta Diego Iraheta, editor-chefe do HUFFPOST BRASIL.

A troca diária entre as redações se dará por meio de um aplicativo e um sistema único global do Huffington Post, permitindo o compartilhamento de mensagens, relatórios e conteúdo de cada regional. “Além de as notícias lá de fora, com olhares singulares de quem vive a realidade no exterior, chegarem mais rápido por aqui, as reportagens e blogs de nosso site serão cada vez mais traduzidas para a rede HuffPost”, explicou o editor na carta aos leitores publicada na quinta-feira. O novo publicador tem previsão para ser lançado no Brasil em 2016 e integrará a publicação de textos, o uso de redes sociais e a medição de métricas e tendências.

Para Diego, as mudanças fazem com que a linha editorial da versão brasileira fique ainda mais próxima à da matriz. “Defendemos a pluralidade de ideias e de públicos para que tenhamos um debate construtivo. E fazemos isso com uma linguagem de internet, posicionamento e participação popular, buscando o engajamento sempre”. Para dar mais destaque às bandeiras do veículo, o site recebeu novas editorias: Mulheres, Vozes da Rua, LGBT, Ciência, Livros e HQs e Tem Jeito!. “Na verdade, a maioria desses conteúdos conversam, as coisas hoje estão cada vez mais transversais. Mas ficamos conhecidos por promover esses temas e criar as editorias é uma forma de chamar atenção para as nossas especialidades”, diz o editor.  

Em janeiro de 2016, a marca completará dois anos no Brasil e já acumula cerca de 4,5 milhões de leitores mensais, 22 milhões de visualizações de páginas por mês e mais de 700 blogueiros. “Nossa proposta facilita a possibilidade de experimentação, o que nos favorece ao buscarmos as melhores formas de publicar nossos conteúdos. Além disso, nossos jornalistas são curadores: eles leem muito e procuram, entre assuntos globais e histórias locais, o material que mais favorece o debate no país. Conquistamos um público grande de leitores que se identificam e participam, tanto por meio dos blogs como nas redes sociais”. 

Palavras-chave

  • The Huffington Post
  • mudança
  • HUFFPOST BRASIL

Marcas envolvidas

Mais Notícias